domingo, 4 de novembro de 2018

Bolsonaro participa de culto em igreja na zona oeste do Rio

O presidente eleito Jair Bolsonaro participou neste domingo de um culto na Igreja Batista Atitude, no Recreio, zona oeste do Rio. Bolsonaro está acompanhado da mulher Michele. 
via Bolsonaro participa de culto em igreja na zona oeste do Rio — VEJA.com

sábado, 13 de janeiro de 2018

Polícia investiga corrupção na fuga do traficante recapturado no Rio de Janeiro – Setor Pedro Ludovico



A Polícia Civil de Goiás prossegue na investigação para desvendar possível corrupção que teria resultado na fuga do traficante Stephan de Souza Vieira, recapturado no domingo (7), em Cabo Frio, no Rio de Janeiro. Conhecido como “BH”, Stephan é apontado como líder do Comando Vermelho em Goiás. Ele fugiu em novembro passado da Colônia Agroindustrial…
via Polícia investiga corrupção na fuga do traficante recapturado no Rio — Goias Urgente

quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Tempos e julgamentos – Ordem, Progresso e Poder



“Quando no século XXIII não existir mais nenhum traço de monogamia nas relações humanas você acharia justo que seus descendentes acusassem você de “forçar seu parceiro para uma vida de escravidão sexual através de uma abjeta exclusividade”? … ou acha que as escolhas honestas obedecem os valores de seus tempos e circunstâncias?”
via Tempos e julgamentos — Orelhas de Vidro

quinta-feira, 22 de junho de 2017

Renan Calheiros, diz: "Votação mostra que reforma trabalhista não está adequada ao Brasil


Um dos principais articuladores contra o projeto da reforma trabalhista, o senador Renan Calheiros (PMDB-AL) avaliou que a derrota do governo na Comissão de Assuntos Sociais (CAS) demonstra que o projeto não está adequado à situação econômica do País.
“Derrota significa que a reforma por si só nesse momento só vai agravar a circunstância econômica. Está ficando claro que somar terceirização e reforma trabalhista, vai desempregar ainda mais. Sem investimento não tem como levantar a economia, gerar renda ou emprego”, afirmou.
O senador afirmou que é preciso que as reformas sejam feitas, mas de forma consensual, e que da maneira como estão atualmente as reformas do governo estão dividindo o País.
Renan aproveitou para criticar novamente medidas específicas da reforma trabalhista. “Precariza a legislação, colocando o acordado sobre o legislado, desfaz o movimento sindical e equipara a demissão individual à demissão coletiva”, listou.
O peemedebista desconversou sobre divisão interna no PMDB e disse não acreditar que a derrota na CAS tenha relação com as denúncias de corrupção contra o presidente Michel Temer.

Arquivo do blog

Seguidores

Follow by Email

Pesquisar este blog

Reinaldo Da Silva Cruz

Criar seu atalho